Whatsapp

71 99977-2805

Telefone

71 3342-4302

 

O que é melhor: montar um consultório próprio ou em sociedade?

Você se formou, fez sua especialização, trabalhou em clínicas e hospitais diversos e agora quer ter o próprio consultório. Aí vem aquela dúvida: é melhor eu abrir meu consultório sozinho ou em sociedade com algum colega?

Em ambas as situações existem vantagens e desvantagens. Nos tópicos a seguir, você vai conhecer todas essas possibilidades para poder decidir, de uma vez por todas, se abre um consultório sozinho ou em sociedade. Confira!

Abrir um consultório próprio

Ao abrir um consultório próprio, sem nenhum sócio, você vai ter a liberdade de organizar e deixar ao ambiente com as suas próprias características. Contratar uma secretária que seja da sua confiança, decorar e arquitetar da forma que achar mais organizada, além de ter a liberdade de fazer as próprias escolhas sem precisar conversar ou decidir nada com ninguém.

Porém, nem tudo são flores ao abrir um consultório somente seu. Se você não tem reconhecimento na cidade ainda, pode ser que passe por momentos de dificuldades no início. Existem muitos profissionais da sua área por aí, porque os pacientes iriam escolher um que acabou de abrir um consultório?

Para isso, vai ser preciso investir em marketing, oferecer valores promocionais, participar de eventos, contratar uma assessoria de imprensa para dar autoridade ao seu nome na sociedade e mais uma série de estratégias. Isso tudo gasta bastante dinheiro. É preciso estar disposto a investir para conseguir ter um número razoável de pacientes diariamente no seu local de trabalho.

Além disso, todos os outros gastos vão ser pagos apenas por você, já que não tem nenhum sócio para dividir as contas. Por isso, pense bem antes de definir por essa estratégia, mesmo que ela seja o seu sonho de carreira.

Abrir um consultório em sociedade

A principal vantagem de abrir um consultório em sociedade é dividir as contas, mas engana-se quem acredite que seja só isso. Se você é um pediatra, por exemplo, novo, pouco conhecido na cidade e que precisa de novos e fiéis pacientes, uma excelente estratégia é abrir o consultório em sociedade com uma psicóloga infantil reconhecida na região.

As áreas são completamente diferentes, mas o público é o mesmo. Logo, por estar ali no mesmo local de trabalho, alguns pacientes dela vão para você e alguns dos seus vão para ela. É vantagem para todo mundo.

Por isso, abrir um consultório em sociedade exige inteligência. Não é para colocar qualquer pessoa, de qualquer especialidade, é preciso agir com estratégia, pensar no que é melhor. Pode ser até outro médico de uma área próxima a sua, mas também pode ser um profissional de saúde de um ramo diferente do seu.

Assim, você vai conseguir o melhor que um consultório em sociedade pode trazer. Entre os pontos negativos estão os fatos de que você não vai ter a liberdade de escolher tudo sozinho, é preciso entrar em acordo sempre, conversar antes de tomar decisões e, talvez, possa ser que ocorra alguma briga ou discussão.

É preciso muito cuidado, respeito, diálogo para que essas brigas sejam as mais saudáveis possíveis e não comprometam a relação entre você e o seu sócio. Aprenda que não está sozinho, que o consultório não é só seu e tudo precisa ser decido entre todos os sócios em conjunto.

Qual é o melhor?

Se você já é um profissional reconhecido na sua cidade, tem um número razoável de pacientes fiéis, possui dinheiro e vontade de investir para que esse sonho se realize e não é muito bom para trabalhar em equipe, tendo que dividir os direitos e obrigações, o melhor é abrir um consultório sozinho.

Mas caso alguma das características citadas acima não faça parte da sua vida, a melhor ideia é abrir em sociedade primeiramente e, após conseguir se fixar no mercado, buscar um consultório próprio, se esse for o seu desejo.

Caso esteja gostando de trabalhar em sociedade, não há necessidade alguma de sair de lá e abrir um consultório apenas seu. A ajuda do outro ou dos outros profissionais faz você crescer, a empresa evoluir e o número de pacientes multiplicar.

Não arrisque logo no primeiro momento. As mudanças são sim sempre arriscadas, mas podem e devem ter um pouco de segurança. Ser um fracasso já no seu primeiro consultório vai te desanimar, além de gerar uma má imagem de você como profissional dentro da cidade e da região em que trabalha. Tome bastante cuidado com isso!

No mais, a ajuda de outros profissionais mais experientes, da sua própria família, professores e amigos também vai te fazer decidir pela melhor escolha. Não faça nada de forma precipitada, aja com inteligência, calma e muita estratégia para tomar a decisão correta!

Se tiver gostado deste texto sobre a escolha entre abrir um consultório sozinho ou em sociedade, confira também esse outro artigo que vai te mostrar a importância de ser uma autoridade na área em que trabalha!

Compartilhe
Comments are closed.
INFORMAÇÕES DE CONTATO

Entre em contato conosco, envie suas dúvidas ou sugestões. Estamos prontos a atendê-lo.
  • Av. Tancredo Neves, 2539 Caminho das Árvores - Ed. CEO Shopping, Sala 2804 Torre Londres
  • CEP: 41820-020 Salvador - Bahia
  • 71 3342-4302 | 71 99977-2805
  • contato@santeposgraduacao.com.br
Receba conteúdo sobre saúde e gestão

[contact-form-7 404 "Not Found"]